Analista sugere parlamentarismo para solução da crise política.

Analista de cenários estratégicos, o advogado gaúcho  Adivo Paim Filho avalia que a atual crise política e econômica vivida pelo país precisaria de saídas por etapas. Na política, primeiro o Parlamentarismo, como expressão de preeminência do Parlamento em países civilizados. Integrante da diretoria do Ibem (Instituto Brasileiro de Estudos Monárquicos), Paim Filho sustenta que a monarquia constitucional contribuirá pela despartidarização da Chefia do Estado, como nos bem sucedidos exemplos ocidentais. À linha primogênita da Princesa Isabel caberá o Trono. O Brasil, aliás, foi monarquia de 1500 a 1889. O Governo ficará com o Parlamento, representação política dos eleitores brasileiros? Ele acrescenta ainda que, ?para qualificar mais o Parlamento, deveríamos ter o  voto distrital uninominal, podendo haver aumento de cadeiras. Já, na área econômica, uma das saídas, sugere, começaria com o predomínio da Livre Iniciativa, abandonando os modelos dos anos 1930-1940, inclusive o atual capitalismo-de-compadres sem concorrência.

Dr. Adivo Paim Filho, é advogado e membro do IBEM

 Entrevista ao Jornal OSUL de 9/11/2015

http://www.osul.com.br/analista-sugere-parlamentarismo-para-solucao-da-crise-politica/

 

Endereço: Rua Gomes de Freitas ,256/201 - Porto Alegre/RS. CEP 91380-000
Telefone: 51 3217.7603 / 51 98144.2288
E-mail: parlamentarismobrasil@gmail.com